home Soja Adubação fluida nitrogenada é aliada para aumento do potencial produtivo da soja

Adubação fluida nitrogenada é aliada para aumento do potencial produtivo da soja

Formulações de rápida absorção e metabolização gradativa do nitrogênio oferecem eficiência e economia no manejo nutricional do cultivo de grãos

O nitrogênio aparece no ranking dos nutrientes como um dos maiores influenciadores do rendimento das lavouras de soja. As novas tecnologias de fertilizantes fluidos, com formulações mais eficientes, de rápida absorção e metabolização gradativa, surgem como uma opção mais segura de nutrição equilibrada e com menor impacto ambiental. Para o engenheiro agrônomo Fabrício Schreiner de Oliveira, o manejo que utiliza os fertilizantes na forma fluida apresentam vantagens diretas ao agricultor.

“A soja é uma cultura bastante exigente em nitrogênio. Hoje em dia, trabalhamos com cultivares de altíssimo potencial de produtividade, o que fez aumentar ainda mais a demanda pelo nutriente. Hoje o agricultor moderno quer produzir mais soja, sem contar muito com a absorção pelas raízes, e com uma área menor de captação de nitrogênio. Esse resultado nós vamos conseguir obter com o auxílio das fontes fluidas de alta tecnologia, que são aplicadas via folha, de forma mais rápida e mais eficiente”, destaca o agrônomo.

Fabrício explica que a fase reprodutiva é a que demanda maior carga de nitrogênio para o desenvolvimento da soja. “Neste estágio, a adubação sólida torna-se inviável. Por meio das tecnologias de fertilização fluida via folha, é possível nutrir as plantas no momento de maior necessidade e menor oferta do nutriente no solo”, completa.

A linha de fertilizantes nitrogenados da Nutriceler conta com três variedades de fórmulas enriquecidas com outros nutrientes. “Os produtos se tornam completos quando conseguimos unir o nitrogênio, que é de importância fundamental para a formação estrutural dos grãos, a outros elementos, que atuam no enchimento dos grãos e no auxílio à fertilidade das plantas”, diz Fabrício.  Para o agrônomo, a metabolização gradativa dos nutrientes pela planta fazem da tecnologia Nutriceler um diferencial no mercado brasileiro. “Com a liberação gradual dos nutrientes, que pode durar até quatro semanas, conseguimos resolver o problema de fornecimento de nitrogênio por toda fase reprodutiva”, afirma o agrônomo.

O consultor técnico da empresa Dagrama, Douglas Osterberg Vojtichwski, que atende produtores de grãos na região de Camaquã (RS), afirma que a tecnologia de nitrogênio fluido da Nutriceler apresenta vantagens significativas para o agricultor. “Ter um produto que proporciona 100% de absorção do Nitrogênio com 70% instantaneamente e 30% com liberação gradativa e ainda com a opção de ter outros nutrientes presentes na formulação auxilia muito o manejo nutricional”, defende Douglas.

 O consultor técnico destaca também que existem diversos trabalhos para a cultura da soja que defendem o reforço de nitrogênio na fase reprodutiva, principalmente devido às mudanças genéticas realizadas nas sementes. “Sabemos que a adubação fluida nitrogenada é responsável por significantes aumentos de produtividade. Essa tecnologia, que oferece eficiência e economia para o agricultor, pode ser a certeza que nos falta para garantir o aporte do nitrogênio na fase onde ele mais se faz necessário”, finaliza.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *